Fundo aprovado para produção audiovisual estrangeira em Portugal

26 Março 2018 /
Lente e objetiva de uma câmada de filmar

Para quem é fã de Targaryen ou de Snow esta notícia já vem tarde.

A 23 de março foi aprovada uma nova legislação que prevê o apoio à produção audiovisual e incentivo à captação de filmagens internacionais para Portugal, de grandes eventos internacionais e de desenvolvimento de produtos que promovam atratividade dos destinos portugueses.

Mas a verdade é que os 7 Reinos foram filmados em mais de 34 locais diferentes, e alguns deles bem perto de nós, como é o caso do Palácio Real Alcázar em Sevilha. A indústria cinematográfica e audiovisual gera uma enorme receita para quem consegue captar o interesse para as filmagens de exterior.

O Fundo, que terá 50 milhões de euros de capital, tem como objetivo incentivar projetos que contribuam para reforçar o posicionamento do país enquanto destino de filmagens e destino turístico, para a coesão do território, para a
redução da sazonalidade e para a sustentabilidade do turismo.
Cabe ao Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA) e ao Turismo de Portugal gerir o programa de apoio à produção cinematográfica e audiovisual e captação
de filmagens internacionais para Portugal, com o objetivo de valorizar a imagem do território e dos recursos nacionais, indo ao encontro dos objetivos
de política cinematográfica e audiovisual enquanto atividade cultural.
O Fundo constitui-se como um novo incentivo à produção e captação de filmagens em Portugal, para produções de cinema, audiovisual e Video On Demand (VOD) nacionais e estrangeiras, com um montante entre 25% a 30% de despesas elegíveis.

Mais info no site do ICA.